Tecnologia

Android 12 já foi apresentado, mas ainda não chegou aos Google Pixel... Entende porquê!

Tens um Google Pixel e não recebeste o Android 12? Não te preocupes, a Google está a trabalhar nisso!

Eduardo Silva
7 de Out de 2021
4 minutos de leitura
Opinião

O Android 12 foi oficialmente disponibilizado na sua versão open source no passado dia 4 de outubro e, como seria de esperar, tem dado que falar entre os media devido às novas características do sistema operativo mais utilizado em smartphones do mundo.

Para além de uma nova "cara", o Android 12 traz também uma panóplia de novidades que vão melhorar bastante a experiência de utilização e que deverão ser aproveitadas pelas várias fabricantes, sejam elas mais ou menos adaptadas a cada interface que encontramos no mercado.

Android 12: A maior atualização do Android?
Consegue a versão 12 do sistema mais popular do mundo, destacar-se pela diferença?

Certo é que com cada versão Android, a Google habituou-nos desde 2016 a ver os seus smartphones Pixel (e até antes, com os modelos Nexus) receberem a nova versão exatamente no dia em que é apresentado. Esta tradição tem levado a gigante tecnológica a manter e até aumentar a sua base de fãs, que vai tendo os terminais Pixel como a opção mais "iPhone" entre a oferta do mercado Android, devido à rapidez com que as novas atualizações de sistema operativo chegam, bem como ao maior compromisso da Google em manter os seus sistemas atualizados por mais tempo.

Ora, para muitos, o dia 4 de outubro de 2021 foi, então, uma desilusão. Aquando a apresentação, a própria Google veio confirmar que não só os modelos Pixel no mercado não receberiam a atualização nesse dia, como essa mesma atualização apenas deverá chegar nas próximas semanas. Segundo a gigante tecnológica norte-americana, os preparos finais para o lançamento do Android 12 para Google Pixel estão a ser levados a cabo e têm em consideração todas a experiência e funcionalidades que são exclusivas aos terminais desta linha.

Pixel 3a
Photo by Sebastian Bednarek / Unsplash

Com isto, a Google acaba por se posicionar da mesma forma que qualquer outra empresa do mercado Android. Apesar de continuar a oferecer a mais "pura" experiência Android, também a equipa por detrás dos smartphones Google Pixel precisam de tempo para refinar todas as características exclusivas ao seu sistema. Por outro lado, fica também claro que apesar de pertencerem ambas ao conglomerado da Alphabet, Inc., as duas equipas acabam por não estar necessariamente interligadas, ainda que a equipa que desenvolve o Google Pixel possa ter um acesso privilegiado a informação relativamente a marcas como a Samsung, Xiaomi ou OnePlus.

Com o lançamento da versão AOSP do Android 12, o código está agora com acesso público e qualquer interessado poderá fazer o download para o seu sistema, o que coloca os desenvolvedores a trabalhar ainda mais arduamente na nova versão. Ainda assim, será quase certo que a atualização está praticamente pronta a ser lançada para os dispositivos Pixel, sendo que este aprimorar das características exclusivas a estes terminais poderá levar mais algum tempo do que o desenvolvimento da base estável do sistema operativo.

AOSP do Android 12 já chegou! Nova versão do sistema está repleta de novidades
Versão final do Android 12 já está disponível

O que é certo é que este "atraso" no lançamento, com a Google a anunciar que a atualização chegará apenas dentro de algumas semanas, coloca a chegada do Android 12 aos terminais Pixel já no mercado em rota de colisão com o lançamento dos novos Google Pixel 6 e Pixel 6 Pro, cujo lançamento está previsto para este mês de outubro. Este facto acaba por reforçar a crença de que o Android 12 para os smartphones Google atualmente no mercado poderá apenas estar disponível aquando o tão aguardado lançamento da nova dupla de smartphones.

Será esta uma boa decisão? Apenas o tempo o dirá. Certo é que, com a chegada do Android 12 e dos Pixel 6 e 6 Pro, a Google adotará uma postura mais séria face ao mercado, com a experiência Pixel a estar ainda mais demarcada nos seus smartphones, bem como um hardware bem mais pronto para se assumir perante a concorrência. Com esta posição, o atraso no lançamento da atualização poderá prender-se com a nova mensagem da marca, sendo que 2021 poderá ser de facto o ano em que a Google demonstra ter todas as armas para concorrer com os gigantes do mercado mobile.

Não percas pitada do UPDATED!

Assina a nossa newsletter para receberes as últimas novidades de Tecnologia diretamente na tua caixa de entrada.

Oops! There was an error sending the email, please try again.

Awesome! Now check your inbox and click the link to confirm your subscription.