Tecnologia

Como controlar o tempo que passamos nas redes sociais?

Como nos podemos proteger das redes sociais?

Diogo Simões
10 de Jan de 2022
4 minutos de leitura
Dicas
Photo by camilo jimenez / Unsplash

Índice

No último ano foram diversos os estudos e investigações jornalísticas que demonstraram como a utilização das redes sociais tem sido prejudicial para a saúde dos jovens. Contudo, não são só os jovens que as usam e cada um de nós facilmente perde a noção do tempo passado ao telemóvel em cada uma destas redes. A pensar nisso, e em algumas mudanças que o próprio Facebook já anunciou para a rede Instagram em que dará aos utilizadores a possibilidade de controlarem o que veem no seu feed (como antigamente), iremos dar-vos dicas de como ter noção, não só do tempo passado ao ecrã, como controlar o tempo que passamos nas diversas aplicações.

No Android

Desde o Android P (Android 9) que se torna possível termos noção do tempo passado em cada aplicação e da utilização que damos ao nosso smartphone. Sendo uma funcionalidade que tem sido adaptada e incorporada por cada fabricante, este guia começa por aqui.

Baseando-me no que a Samsung oferece na sua versão do Android 12 com a OneUI 4, podemos encontrar opções que encontramos facilmente noutras fabricantes. Tais funcionalidades são o consultar o tempo de ecrã,  limitarmos a nossa utilização diária, ver o tempo passado em cada aplicação e definir um temporizador para cada uma. Outras opções incluem um modo de foco, quer seja para ter tempo para o trabalho, para o utilizador ou ainda um outro perfil personalizado, e um modo da hora de deitar (que muda o ecrã para uma escala de cinza). Querem mais controlo? O smartphone monitoriza também as aplicações usadas enquanto se conduz e podemos ainda bloquear as aplicações selecionadas para não nos importunarem nesta atividade que exige tanta atenção.

O certo, e como já referido, é que qualquer equipamento Android permite ter esta consulta e atenção que se torna fator de consciência na hora de termos atenção à nossa saúde digital.

iOS

No iOS, e tendo seguido os passos da Google, a Apple apresentou também em 2018 o seu Digital Health e que, tal como a preocupação manifestada pelas fabricantes do Android, permite o acesso a gráficos de utilização por aplicação e definir os limites de utilização. A empresa oferece ainda uma opção parecida aos modos de foco no Android, em que se pode escolher termos só mensagens e chamadas a passar. Podemos também controlar o tempo geral que passamos colados ao ecrã e, quando nos aproximamos do definido por nós, recebemos uma notificação antes de serem aplicadas as restrições que definimos.

A empresa, como no oferecido no ecossistema Android, permite também controlar o conteúdo que as crianças veem nos seus equipamentos. Por exemplo, uma das possibilidades é de bloquear as compras na App Store.

Nas aplicações

Facebook

Desde há uns anos que o Facebook permite, nas definições, restringir o tempo passado na aplicação. Uma vez acedida a esta opção disponível na aba Definições e Privacidade — O tempo que passaste no Facebook, podemos ver os detalhes do que temos feito na rede social, gerir o tempo passado na rede azul, rentabilizar o tempo por forma a que nos conectemos somente às pessoas que realmente importam e controlar as notificações.

Instagram

Sem esquecer as mudanças que a rede social prepara para o início deste 2022, também no Instagram podemos controlar o tempo passado na rede social com um lembrete diário e a possibilidade de controlar as notificações que recebemos. Não sendo opções tão abrangentes como no Facebook, será interessante ver que outras mudanças tem a rede preparada para proteger os utilizadores.

Sendo que nem todas as aplicações têm estes recursos, tanto no Android como no iOS o utilizador pode automaticamente escolher o tempo para cada aplicação. E, quer esse bloqueio aconteça numa rede social ou jogo, torna-se importante este poder dado ao consumidor.

E vocês? Têm atenção ao tempo passado nas redes sociais? Tinham consciência de que os sistemas operativos mais populares permitem este nível de controlo?

Não percas pitada do UPDATED!

Assina a nossa newsletter para receberes as últimas novidades de Tecnologia diretamente na tua caixa de entrada.

Oops! There was an error sending the email, please try again.

Awesome! Now check your inbox and click the link to confirm your subscription.