Tecnologia

Windows 10 vai passar a receber atualizações anuais da Microsoft

O Windows 10 continuará a ser uma versão essencial do sistema nos próximos anos.

Eduardo Silva
23 de Nov de 2021
2 minutos de leitura

O Windows 11 tem dado que falar desde a sua chegada ao mercado neste final de 2021, mas o Windows 10 está longe de ser esquecido. Com uma grande quantidade de utilizadores ainda a dependerem da antiga versão do sistema operativo (que deverá continuar a ser muito utilizada no mercado nos próximos anos), a Microsoft já prometeu que esta versão do sistema será atualizada e suportada até 2025, tendo agora definido a agenda dessas mesmas atualizações.

A acompanhar a atualização de novembro deste ano, a Microsoft veio anunciar a transição para uma agenda de atualizações anual do Windows 10. A empresa norte-americana fará o lançamento destas atualizações dedicadas a novas funcionalidades uma vez por ano, seguindo assim a estratégia pensada também para o Windows 11.

John Cable, um dos principais responsáveis pela distribuição do Windows no seio da Microsoft, veio afirmar as intenções da empresa em alinhar os lançamentos de novas atualizações de funcionalidades do Windows 10 com o programa de atualizações do Windows 11. John Cable adiantou, de resto, que após a atualização de novembro de 2021, "a próxima atualização para o Windows 10 está programada para a segunda metade de 2022."

Apesar de ter já definida uma data limite para as atualizações a esta versão do sistema operativo, a Microsoft mantém o compromisso para os próximos anos, ainda que de forma discreta. A atualização de novembro de 2021 traz recursos menores, com o principal destaque a ser o suporte gráfico computacional para o Subsistema Windows para Linux (WSL). Em separado, a nova Microsoft Store começou a ser distribuída para os dispositivos Windows 10 no início do mês de novembro, não integrando a mais recente atualização.

Com isto, as grandes novidades do Windows 10 deverão ser cada vez mais escassas. A grande aposta da Microsoft passa pela distribuição do Windows 11 e do seu aperfeiçoamento, sendo a nova versão na qual a empresa norte-americana vai colocar "as fichas todas". Apesar do compromisso de manter o suporte para o Windows 10 até outubro de 2025, será quase certo que poucas serão as grandes novidades para esta versão do sistema operativo, o que de si será também um incentivo aos utilizadores a fazerem a atualização para a mais recente versão do sistema operativo.

Baseando-nos na positiva experiência da atualização de lançamento e no feedback que vimos até à data, vamos acelerar o ritmo de lançamento mais do que esperávamos previamente e tornar a atualização para o Windows 11 disponível para um mais amplo número de dispositivos Windows 10 elegíveis. - afirmou John Cable.

Não percas pitada do UPDATED!

Assina a nossa newsletter para receberes as últimas novidades de Tecnologia diretamente na tua caixa de entrada.

Oops! There was an error sending the email, please try again.

Awesome! Now check your inbox and click the link to confirm your subscription.