Tecnologia

Xiaomi 12 e 12 Pro: tudo o que precisas de saber sobre as novas belezas da China!

Uma dupla que promete dar que falar em 2022!

Eduardo Silva
6 de Jan de 2022
5 minutos de leitura

Novo ano, nova geração de smartphones a ser revelada pelas mais famosas fabricantes do mercado. A Xiaomi começa 2022 com um verdadeiro "par de Ases" ao lançar no mercado o Xiaomi 12 e o Xiaomi 12 Pro, terminais que, após cinco dias da chegada do ano novo, já estão a definir o patamar em que os melhores dispositivos do ano se deverão basear.

A fabricante chinesa volta a fazer uma demonstração de força e começa o ano a antecipar-se a todas as suas principais concorrentes (com Samsung e OPPO à cabeça), aproveitando todo o poder do novo processador da Qualcomm para 2022. Vamos assim conhecer os novos terminais.

Xiaomi 12 e 12 Pro possuem linhas muito elegantes

Ambos Xiaomi 12 e 12 Pro chegam ao mercado com um design extremamente elegante, graças ao seu ecrã margem-a-margem curvo nas laterais apenas interrompido por um recorte para a câmara frontal de 32MP em estilo punch-hole. Atrás está um novo módulo de câmaras bem elegante com tons metálicos e que combina na perfeição com a traseira em vidro frosted. Na versão Pro, há ainda a opção por uma traseira em couro sintético, que garante um toque marcadamente premium.

Apesar das imagens poderem iludir o leitor graças a um design muito similar, o novo par de smartphones da Xiaomi apresenta diferenças nas suas proporções, com o ecrã do Xiaomi 12 Pro a chegar às 6.73 polegadas, enquanto a versão "normal" apenas se fica pelas 6.28 polegadas. Esta diferença nota-se também no peso e espessura dos terminais, com a versão Pro a ser a mais pesada (204 gramas na versão em couro sintético e 208 gramas na versão em vidro).

À parte destes pormenores, a estética varia ligeiramente também no módulo de câmaras, sendo que a inclusão de sensores de maiores dimensões no Xiaomi 12 Pro leva a que este módulo seja também mais largo. E com isto, ambos os terminais se completam com as mesmas entradas e composição (à exceção da traseira em couro sintético no 12 Pro), tendo ambas altifalantes stereo Harman Kardon, entrada USB-C e leitor de impressões digitais embutido no ecrã.

Especificações topo de gama para o novo ano

Como mencionamos no inicio do artigo, uma das principais vantagens dos novos Xiaomi passa pela utilização do novo processador topo de gama Qualcomm para 2022: o Snapdragon 8 Gen 1. Este processador, que estreia uma nova nomenclatura, é uma evolução do seu antecessor Snapdragon 888.

O destaque do processador vai para a utilização de uma microarquitetura de 4nm e do novo núcleo de alta performance Cortex-X2, sendo este acompanhado por mais três núcleos de alto desempenho Cortex-A710 e quatro núcleos eficientes Cortex-A510.

Este novo processador é também composto pela nova GPU Adreno 730 e completa um chip que tem impressionado os críticos ao conseguir acompanhar o desempenho gráfico do Apple A15 Bionic nos testes sintéticos. Ambos Xiaomi 12 e 12 Pro podem ser configurados com 8 ou 12 GB de RAM e opções de 128 ou 256 GB de armazenamento.

Ainda que ambas as versões ofereçam ecrãs OLED de alta qualidade, recomendamos o Xiaomi 12 Pro para o consumo de multimédia e gaming, já que esta versão oferece uma maior resolução WQHD+, que aliada à tecnologia LTPO 2.0 e à taxa de atualização de 120Hz, torna automaticamente este num dos melhores (senão o melhor) ecrã num smartphone em 2022.

Apesar de todo o poderio destes terminais, os utilizadores podem estar descansados. Enquanto o Xiaomi 12 se encontra equipado por uma bateria de 4,500 mAh, o Xiaomi 12 Pro traz consigo uma bateria de 4,600 mAh, podendo ambos ser carregados por cabo com uma potência de 67W. E se as ligações por cabo são muito antiquadas para o utilizador, as boas noticias são que ambos possuem carregamento sem fios, a 50W no Xiaomi 12 e a 67W no Xiaomi 12 Pro. E como seria de esperar, ambos os modelos chegam com conectividade 5G, Bluetooth 5.2 e Wi-Fi 6.

"Pro" significa câmaras superiores

À exceção de um ou outro pormenor, a versão Pro tem apresentado apenas alguns pormenores superiores face ao Xiaomi 12, mas nas câmaras há diferenças mais notórias. Começando pela versão mais modesta, o Xiaomi 12 é equipado por uma câmara principal de 50MP 1/1.56" Sony IMX766 com estabilização ótica de imagem e que é acompanhada por uma grande angular de 13MP e uma telephoto-macro de 5MP.

Ainda que estas câmaras não sejam de todo de fraca qualidade, as mesmas ficam muito aquém das capacidades da versão Pro, que é o primeiro smartphone a ser equipado pelo novo sensor Sony IMX707 de 50MP 1/1.28" na sua câmara principal. Aliás, os sensores secundários são também superiores, já que a grande angular possui também 50MP de resolução e um maior ângulo de captura, enquanto a terceira câmara telefoto é também um sensor de 50MP com zoom ótico 2X.

Por fim, a câmara frontal é similar para ambos os terminais, já que utiliza um sensor de 32MP capaz de gravar vídeo em 1080p a 60fps (um pouco aquém dos seus rivais iPhone 13 Pro e Pixel 6 Pro, capazes de gravar em 4K a 60 e 30 fps, respetivamente).

Preço e disponibilidade

Como é já habitual, a Xiaomi faz a apresentação dos seus terminais primeiramente na sua terra natal, a China. Nas próximas semanas, espera-se a apresentação global e que a empresa anuncie também datas de chegada aos mercados internacionais, sendo para já uma incógnita em que momento chegará a Portugal e qual o preço. Aliás, ainda que seja quase certa a chegada do Xiaomi 12, a variante Pro poderá mesmo não ser disponibilizada noutros mercados, tal como os seus sucessores Mi 11 e Mi 11 Pro.

Quanto aos preços, em conversão direta para a moeda europeia, o Xiaomi 12 começa nos 510 euros na sua versão base, enquanto o Xiaomi 12 Pro se eleva a uns menos modestos 650 euros.

Não percas pitada do UPDATED!

Assina a nossa newsletter para receberes as últimas novidades de Tecnologia diretamente na tua caixa de entrada.

Oops! There was an error sending the email, please try again.

Awesome! Now check your inbox and click the link to confirm your subscription.